...
...

Neste artigo  ” Sutura o que todo médico deve saber” vamos falar sobre técnicas, tipos e princípios que todo estudante de medicina e médico devem saber para iniciar sua carreira. 

“A arte de suturar qualquer um pode aprender, porém no ser humano isso está a privilegio de um cirurgião.” Ressalva, Cirurgião Ítalo Abreu. Somente ele deve saber?

Quando aprender a suturar?  Preciso aprender mesmo que não queira se tornar um residente  em cirurgia?A resposta é sim, pois nem sempre cirurgiões estão disponíveis nos hospitais e muitas vezes é necessário realizar o procedimento em emergências, e caso o tempo de 6h seja ultrapasso o risco de infecção daquele ferimento aumenta.

Durante a síntese, são realizadas manobras manuais e instrumentais destinadas a restituir a continuidade anatômica e funcional dos tecidos, que foram separados na cirurgia ou por traumatismo.

As suturas são a melhor forma de realizar o fechamento adequado de ferimentos e permitir a aproximação ideal dos bordos. A escolha do fio baseia-se no local do ferimento, extensão e área de exposição do local, sendo a linhas de suturas da pele e força tensil  fatos relevantes.

Ambiente cirúrgico

O ambiente cirúrgico deve ser asséptico, e todos os cuidados para evitar contaminações e danos aos pacientes devem ser levados em consideração pela segurança do paciente e respeitando os protocolos. O silêncio é algo primordial, para que os profissionais atuantes possam manter a concentração durante o procedimento cirúrgico.

Quanto à continuidade das suturas :

1. Interrompida: quando o fio é passado, amarrado e cortado individualmente;

2. Contínua: quando o fio de sutura é passado alternadamente entre as duas bordas do tecido.

A técnica e a prática

Para o correto posicionamento e a utilização da agulha e porta-agulha dividimos, mentalmente, a agulha curva em terços para facilitar na memorização e aprimorar a tecnica cirurgia.

Na utilização usual, a agulha está posicionada em 90 graus  em relação ao porta-agulhas, sob preensão na ponta do mesmo e com sua ponta orientada para a palma da mão do cirurgião. Existes outras técnicas como a agulha  deve estar na região de terno proximal para suturas mais delicadas com fio menores como nas vasculares e de reconstrução de nervos.

Os fios apresentam uma numeração que está de acordo com o seu diâmetro. De uma maneira geral, podem ser realizadas em até 6h para mãos e pés, e em até 24h, em ferimentos de face e escalpe.

Usualmente, é utilizada a pinça “dente de rato”, evitando-se apertar tecidos. Em região  de face evita-se o uso da pinça com dentes. Lembrando que para retirada de pontos em região de face podemos usar  um tempo menor para evitar fibrose e cicatrizes. 

Tipos de fios de sutura

  • Fio 6-0: Mais fino. Utilizado em face e áreas com importância estética.
  • Fio 5-0: Utilizado em suturas da mão e dedos.
  • Fio 4-0: Utilizados para reparo de extremidades proximais e tronco.
  • Fio 3-0: Fio de grande calibre, utilizado para planta do pé e escalpo.
  • Fio 2-0: Couro cabeludo.

Características dos Fios Absorvíveis

1) Categute simples

Tempo de absorção: 7 – 10 dias;

Reação com o tecido: Grande;

Uso: Ligar vasos hemorrágicos, anastomoses intestinais e fechamento de plano subcutâneo;

Características: Sintético, trançado e maior incidência de infecções.

2) Categute cromado

Tempo de absorção: 21 – 28 dias;

Reação com o tecido: Grande;

Uso: Igual ao simples;

Características: Obtido de intestino de boi ou carneiro e tratado com cromo.

3) Ácido poligalático (Vycril)

Tempo de absorção: 14 – 30 dias;

Reação com o tecido: Mínima;

Uso: Fechar aponeuroses e subcutâneo;

Características: Fio sintético, trançado e maior chance de infecções.

Inabsorvíveis

Naturais

Multifilamentares: algodão, seda, linho

Sintéticos

Multifilamentares: Nylon trançado, Poliéster (Mercilene), Aço inoxidável (Flexon)

Monofilamentares: Nylon/Mononylon (Ethilon), Polipropileno (Prolene), Aço 

Dicas finais:

OBS.: Para a escolha do fio correto, é bom ter em mente que:

os fios sintéticos geralmente realizam hidrólise

o fio categute causa uma grande reação inflamatória, aumentando assim a celularidade locaç

o fio de nylon geralmente é encapsulado pelo organismo

os fios de algodão, linho e seda geralmente causam grande reação inflamatória e, depois, são encapsulados

fio agulhado é atraumático

fio multifilamentar permite passagem de líquidos e bactérias entre os filamentos

em ambientes infectados, ou seja, em feridas de grau 2 ou 3, deve-se usar fio não absorvível (nylon), para reagir (sucumbir) ao pH ácido do ambiente infeccionado.

Agora que você está sabendo de tudo sobre o artigo ” Sutura o que todo médico deve saber” te convidamos para ler esse artigo que preparamos com carinho sobre um assunto que você vai gostar, se liga! 

https://www.youtube.com/watch?v=0jWKdR80zvY&t=42s

O que você pensa sobre o futuro da medicina? Leia este artigo https://medicineme.com.br/desvalorizacao-da-medicina/[

Nosso canal no youtube : Clique aqui 

Curso medicina 5G : Clique aqui

Newsletter

Assine nossa newsletter para receber conteúdos da Nova Medicina