...
...

O risco da Radiação para Médicos e estudante de Medicina

Tudo na Medicina deve ser avaliado o custo beneficio, até na hora de escolher uma residência ou uma área que tenha exposição a radiação.

Marcada na história mundial após os desastres em Chernobyl, na Rússia e Hiroshima, no Japão, a radiação se tornou um dos maiores temores da nossa sociedade e a exposição radioativa ao homem é motivo de constante preocupação

Os profissionais de Tecnologia em Radiologia que o digam: por lei, eles não devem trabalhar mais do que 24 horas semanais. Mas será mesmo que essa profissão apresenta riscos à saúde?

Os efeitos da radiação

Podem ser definidos em determinísticos ou estocásticos.

Derministicos : São efeitos causados por irradiação total ou localizada de um tecido, causando um grau de morte celular não compensado pela reposição ou reparo, com prejuizos detectáveis no funcionamento do orgão. Estes são produzidos por doses elevadas de radiação. Em doses menores de 100 mSV não é possivel determinar aumento estatisticamente da incidência de câncer.

 

Estocasticos: são aqueles em que a probabilidade de ocorrência é proporcional à dose de radiação recebida, sem a existência de limiar. Isto significa que doses pequenas, abaixo dos limites estabelecidos por normas e recomendações de radioproteção, podem induzir tais efeitos. Entre estes efeitos, destaca-se o câncer.

Existe algum risco para paciente ou Médico ?

Sim! O que a gente deve sempre levar em conta é a relação custo e benefício.

Existe o risco para o paciente, assim como para o médico ou outro profissional da saúde que fica mais exposto à radiação, principalmente com doses grandes, cumulativas, mas se ele deixa de fazer o exame, ele tem o risco relacionado à falta desse diagnóstico. Entidades e diretrizes de proteção: Imagem wisely e image gently.

Tomografia e especialidades Médicas

Radiação na tomografia( TC)  pode ser algo preocupante. A TC representa cerca de 17% dos procedimentos médicos com base em radiação.  Um estudo estimou que a incidência de cancer relacionada a tomografia esta em 0,02 e 0,04%

O risco da Radiação para Médicos e estudante de Medicina

Dosímetro: O que é?

O Dosímetro  é um aparelho para medir radiação ionizante muito utilizado em ambientes por profissionais expostos a radiação e residentes.

 

O objetivo principal de um dosímetro constitui em detectar o nível de radiação ou chegar a um nível de radiação aceitável de exposição à radiação aos quais os operadores possivelmente estiveram sujeitos devido aos riscos. Óculos e roupas de chumbo são essenciais nesses ambientes. 

 

Especialidades Médicas com maiores riscos:
  • Radiointervenção
  • Cirurgia vascular 
  • Hemodinamica e cardiologia
  • Ortopedia
  • Neuroradiologia

 

Embora os avanços técnicos e tecnologicos disponiveis no mercado facilitem a abordagem e condutas de pacientes devemos avaliar sempre o custo beneficio e a proteção do profissional de saúde.

Meer AB, Basu PA, Baker LC, Atlas SW. Exposure to ionizing radiation and estimate of secondary cancers in the era of high-speed CT scanning: projections from the Medicare population. J Am Coll Radiol. 2012 Apr;9(4):245-50. doi: 10.1016/j.jacr.2011.12.007. PMID: 22469374.

Newsletter

Assine nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos da Nova Medicina